Alta Performance

O que diferencia Alta Performance de performance mediana?

O MEIO.

O ser humano é produto do meio em que vive. Para Alta Performance acontecer, o meio tem que ser escolhido de tal forma que corresponda às metas que se deseja atingir.

Eis um exemplo:

Quer melhorar o seu tempo de corrida rapidamente? Inscreva-se em um grupo de corrida que preferencialmente participe de competições regulares. Ingressar no grupo irá colocá-lo em um ambiente de alta demanda e eustress (estresse positivo) que elevará significativamente as exigências sobre sua performance. 

O início será frustrante? Sim. Dará vontade de desistir? Com certeza. Você se perguntará durante algumas semanas onde estava com a cabeça quando tomou essa decisão? Muito provavelmente.

Mas, se resistir ao desconforto, à frustração, à sensação de “peixe fora dágua” do início de sua curva de desenvolvimento, irá se deleitar com sua evolução e passará a aspirar aquele ambiente “eustressante”.

Performance gera confiança que gera mudança de comportamento. Sua identidade começa a tomar forma do novo ambiente. Loop completo! 

Como diz o Dr. Gabor Maté, respeitado médico canadense e autor de best-sellers em Stress, Vício e Desenvolvimento Infantil, “a personalidade é uma adaptação ao ambiente”

Se você leu Ciclo Virtuoso na véspera do ano novo, foi desafiado a criar a tensão saudável para crescimento em 2019. A escolha de um objetivo claro é necessária para gerar motivação, mas não é suficiente.

Aliás, Benjamin Hardy, o autor mais lido do Medium.com lançou o livro “Willpower does not work” (Força-de-vontade não basta, livre tradução) no final de 2017 para revelar os segredos da Alta Performance.

Dica #1: Crie um ambiente propício à Alta Performance

Se você estabeleceu metas para 2019 e não cuidou de “projetar” o ambiente favorável para o alcance dessas metas, ATENÇÃO! Sua força-de-vontade vai acabar em algum momento se já não se despediu de você em Janeiro.

Se você está realmente comprometido com um “upgrade” de vida, seja ele na forma de melhor condicionamento físico, hábitos alimentares mais saudáveis, melhor desempenho profissional, prática de algum esporte, tome nota das outras dicas a seguir:

Dica # 2: Faça um investimento para cumprir seu objetivo 

Exemplo – Contrate um coach de comunicação se deseja melhorar sua habilidade de apresentação em público

Dica # 3: Torne sua meta pessoal ou profissional pública. Compartilhe-a com seus amigos

Exemplo – Conquistar alunos estrangeiros para suas aulas de Pilates

Dica #4: Crie consequências relevantes para o caso de não atingir sua meta

Exemplo –  Correr a São Silvestre pela 1a vez caso sua avaliação de meio-de-ano não seja “acima das expectativas”

Dica #5: “Abrace” a dificuldade

Exemplo – Escrever e-mails em inglês para sua equipe fora do país sem recorrer primeiro à ajuda da secretária

Dica #6: Viva a novidade 

Exemplo – Ingressar na economia colaborativa e oferecer seu expertise em investimentos em troca de aulas de programação de aplicativos

A prática de pelo menos uma das dicas acima irá gerar o COMPROMETIMENTO que exige a Alta Performance. 

Junto do comprometimento, devem vir a DECISÃO para lidar com as emoções desagradáveis (medo, ansiedade, pessimismo), a DISPOSIÇÃO para adaptação e o desenvolvimento da TOLERÂNCIA ao erro, à frustração, à incerteza. 

Também é de suma importância a mudança de MENTALIDADE: acreditar que não há fortalezas ou fraquezas, mas hábitos de aprendizado positivos ou negativos.

O hábito de aprendizado positivo está focado no ganho, no AVANÇO, por menor que seja. Já o hábito de aprendizado negativo está baseado no HIATO, no que falta. O risco de desmotivação é o que qualifica o hábito de aprendizado: baixo para o positivo, alto para o negativo. 

Carol Dweck, autora do livro “Mindset”, fala dessa diferença quando explica o que é o Mindset de Crescimento versus o Mindset Fixo.

Alta Performance tem uma fórmula: A + D + A + P + T + A + Ç + Ã + O

Charles Darwin nos ensinou que “não são os mais inteligentes nem os mais fortes que sobrevivem, mas aqueles que se adaptam mais rapidamente”.

A capacidade de adaptação está escrita no nosso DNA. DESPERTE-A!

É a história da nossa evolução: nos adaptamos e evoluímos com base no ambiente que estamos inseridos.

A mudança que aspira é desafiadora? Exige Alta Performance?

Escolha bem o seu MEIO, sabendo que o meio é definido não só pelos locais que você frequenta, mas pelas pessoas com quem convive, pela informação que você consome, pela comida que você ingere, até mesmo pela música que você escuta.

Para aqueles acostumados à Alta Performance, sigam a 

Dica #7Não se contente com os resultados alcançados, nem com o progresso realizado 

Reconheça o quanto avançou mas não pare por aí!

Monitore seu MEIO para que ele continue sendo a alavanca da sua Alta Performance. Você não é causa do seu sucesso! Você é produto de um meio em constante transformação. 

Seja o seu MEIO uma decisão consciente para crescimento pessoal contínuo.

“Diga-me onde andas e direi quem tu és!”

Vai com tudo em 2019!

As pessoas são únicas. Nossa causa é ajudá-las a desenvolver essa condição ao seu grau máximo. É por isso que somos uma empresa de aceleração de talentos.

Gema-TW: Transformamos potencial em resultados. Entregamos Alta Performance.